João Batista Silva
CapaCapa
TextosTextos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Textos

A Sabedoria de Viver
É viver com sabedoria.

É vivendo que um bom aprendiz compreenderá que saber viver é a essência da vida. Em síntese, não se deve negar, que muitos pontos sensíveis da compostura das pessoas são saber conduzir suas vidas, de modo a equilibrar racionalmente nos extremos, por aonde a vida vai conectando as maravilhas naturais.

Circunstâncias provenientes dos insultos fervorosos desgastam com rigidez, posturas que desagradam a vida nos mais diversos pontos em questionamentos.

O processo evolutivo não define saber viver apenas para não viver sem saber. É preciso saber como viveu, está vivendo e viverá, se a vida permitir, através das graças que o Criador vai derramando sobre as criaturas.

A vida está para o amor, assim como o amor está para a vida. E não há como negar uma necessária intervenção nas boas atitudes, em que muitos ainda acreditam como fonte de energia, para salvar a humanidade. A degradação ambiental e tantas outras agressões à natureza, transbordando toneladas de produtos tóxicos, descargas urbanas, lixos...

Precisa-se da atenção especial da humanidade no processo evolutivo que insere no saber viver.

Muitos pensadores, cientistas, ambientalistas e outros envolvidos na mesma postura de preservação dos recursos que ainda restam com qualidades de uma boa e satisfatória sobrevivência, acreditam que a sabedoria de viver depende de estudos, leis e medidas, que satisfaçam os anseios da população.

Um centenário senhor deixa algumas receitas aos descendentes, no sentido de alertá-los e acreditar “no amor”, como rica fonte de intermediação na qualificação de vida.

Se fumante, tente diminuir. Se usa bebida alcoólica, que faça com moderação. Evite excessos de alimentação gordurosa ou outras irrecomendáveis.

Procure distrair-se, caminhar e se divertir, falar o que sente escrever e ler ao menos uma hora por dia. Elaborar projetos que respeitem a vida, que respeitem as próprias vontades de ser feliz, de amar, sobretudo a Deus.

O maior sábio é aquele que compreende que muita sabedoria ainda não aprendeu. Permitam-me senhoras, senhoritas e jovens, que na força de cada olhar carente do amor, quantas revelações são feitas, graças e esperanças são frutos alimentadores de sonhos, vidas, alegrias, atenções nos jogos, que vão se desencadeando na vida de cada uma das maravilhas do universo, vivendo e aprendendo a sabedoria de viver feliz.

Feliz quando se compreende que sabedoria nasce do interior e se projeta em busca da complementação cultural do exterior.

Bom Despacho, 05 de Outubro de 2004, às 02h30.
João Batista Silva
Enviado por João Batista Silva em 23/02/2016
Copyright © 2016. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras