João Batista Silva
CapaCapa
TextosTextos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Textos

Mulher que Samba
          Mulher que samba, que canta, que toca... Que alegra o salão, corações e avenidas. Essa menina tem estrelas nos pés, tem fogo, tem garra, tem bondade e opinião.
          Mulher menina... No samba você ganhou, sorriu e venceu. No samba você é leve como uma pena, acompanhando a vontade do vento, que sopra suavemente de Oeste para Sudeste. Você encanta a todos que passam e veem, que desejam compartilhar do samba, que não é apenas samba, é forró, arte e alegria.
          Mulher, você é fogo que ferve. É brasa. É paixão. É amor... saudade e opinião. Mulher, você é o vinho da festa, o acordeão, “a sanfona” do “gaúcho, do John Peres”. É o tempero na medida certa. É a maçã madura que ganhou de presente a caminho da escola. É o perfume da festa... é tudo... é a viola dourada.
          É fonte de vida, de vitórias e saudades. É o cacho de uvas, a pimenta da carne, o aperitivo do baile, a sombra da árvore, a água cristalina, que nasce nas montanhas e jorra.

Obs: O poema: Mulher Tudo Que Tem, está inserido à esse texto.
João Batista Silva
Enviado por João Batista Silva em 27/04/2016
Copyright © 2016. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras